Direitos de grávidas que você tem que conhecer - Parte 1

Grávidas têm direitos especiais que vão muito além da preferência na fila. Confira a parte 1/7 para você abusar sem culpa. 

 

Você esperou tanto para engravidar e agora vive um turbilhão de sentimentos. É, gerar uma nova vida não é tarefa muito fácil e exige muito de seu corpo. Saiba que um de seus direitos é:

 

1 CHORAR E RIR AO MESMO TEMPO SEM SER CONSIDERADA LOUCA

A culpa é dos hormônios. “A progesterona alta da gravidez deixa a mulher em um estado de tensão pré-menstrual constante”, explica a obstetra Daniela Gouveia, do Hospital São Luiz (SP). A analista de sistemas Fabiana Loturco, 36 anos, experimentou essa montanha-russa emocional logo no começo da gravidez de Danilo, hoje com 5meses: assistindo a um telejornal, chorou copiosamente quando viu que o marco civil da internet havia sido aprovado, no ano passado. “Chorei de soluçar. Eu falava para o meu marido que nosso filho ia nascer em um país livre!”, conta. O choro descontrolado significava que Fabiana estava muito feliz e o marido dela, é claro, ficou confuso. “A gravidez também traz à tona muitos sentimentos e, por isso, a mulher se emociona com tudo ou se irrita mais facilmente”, explica a psicóloga Priscila Gasparini, do Hospital Beneficência Portuguesa (SP).

(Redação Progênese com Crescer)

Quarta-feira, 03 de Fevereiro de 2016
Voltar
fb.com/progenese
|
46 3220 2969
|
Av. Brasil, nº450, sala 1002 - 10º andar, Ed. Max Saúde.