Dormir bem na gestação
Embora dormir bem na gestação pareça ser algo que não te pertence mais, existem sim algumas medidas que você pode tomar para se sentir mais confortável, principalmente no terceiro trimestre gestacional. Pense que está mais próximo de abraçar seu(a) filho(a), e gerar uma vida é um processo complexo, portanto, natural adaptações em várias instâncias de sua vida, inclusive o sono.
 
No primeiro trimestre, o BHCG e outros hormônios que dão suporte para a gestação deixam a grávida com bastante sono durante os primeiros meses. Como o corpo ainda não sofreu modificações físicas, basta escolher sua posição preferida na cama, fechar os olhos e sonhar… Só os enjoos podem atrapalhar.
 
Mas quando a gestação evolui e a barriga pesa, o principal conselho para ter em mente é: lado esquerdo! Este lado deixa livre a veia cava, que leva a oxigenação para o bebê, por isto também a mãe tende a se sentir mais confortável. Apoie a barriga com um travesseiro e as costas com outro. No terceiro trimestre, há um cansaço característico, além da ansiedade, já que o parto se aproxima, o novo formato e tamanho do corpo não ajudam na hora de relaxar na cama. Encontrar uma boa posição para dormir é um desafio. A boa notícia é que o bebê está chegando! Siga essas dicas:
 
1. Agora não tem mais jeito. De bruços você não consegue mais e, de barriga para cima, vai sentir falta de ar. A melhor posição para dormir será virada para o lado esquerdo. Assim você não comprime a veia cava e garante uma boa circulação e oxigenação tanto para você quanto para o bebê. Um estudo realizado pela Universidade de Auckland, na Nova Zelândia, mostrou que mulheres que dormem sobre o lado direito do corpo ou com a barriga para cima no fim da gravidez tem duas vezes mais chances de morte prematura do bebê do que as mães que dormem apoiadas sobre o lado esquerdo.
 
2. Experimente usar travesseiros extras na cama. As melhores posições para o terceiro trimestre são:
 
Colocar um travesseiro a mais na cabeça – para algumas mulheres, isso equilibra a posição do corpo na cama, além de ajudar na respiração;
 
Usar um travesseiro entre as pernas, para que o quadril fique mais encaixado;
 
Apoiar um travesseiro embaixo da barriga para “segurá-la” durante o sono;
 
Lançar mão de um travesseiro para abraçar toda a lateral do corpo – já existem no mercado travesseiros em formato de rolo para essa finalidade.
 
Você pode investir em todas as opções acima. E não se preocupe se a cama ficar lotada de travesseiros. Use quantos precisar. O importante é você ficar confortável!
 
3. Continue e a fazer exercícios físicos adequados para essa época, mas se organize para que eles não sejam executados à noite. Estudos mostram que exercícios muito perto da hora de dormir podem atrapalhar o sono profundo.
 
4. Caso tenha insônia e fique rolando na cama mais de meia-hora, levante. Tome um banho morno, leia um livro, escute uma música suave. Quando ficar sonolenta novamente, volte para a cama.
 
5. A dor nas costas pode tirar o seu sono. Ela ocorre porque, com o crescimento da barriga, seu centro de equilíbrio muda. As costas são projetadas para trás e o abdômen, para frente. Um banho morno, com a água escorrendo pelas costas, pode ajudar. Você também pode conversar com seu obstetra sobre formas alternativas de ajudar a lidar com o desconforto.
 
6. Outro fato que vai tirar o seu sono é a vontade de fazer xixi. Como o útero está sob a bexiga e a comprime sem pena, as idas ao banheiro irão aumentar muito. É algo que não tem remédio: você terá de acordar e levantar da cama. Para ajudar, evite líquidos duas horas antes de dormir e, quando for ao banheiro, elimine toda a urina possível.
 
Dormir é essencial para uma gestação tranquila. Esse período de descanso profundo garante a manutenção do organismo e sua capacidade de sustentar a gravidez.
 
(Progênese com informações Bebê.com)
Quinta-feira, 12 de Julho de 2018
Voltar
fb.com/progenese
|
46 3220 2969
|
Av. Brasil, nº450, sala 1002 - 10º andar, Ed. Max Saúde.